O VISCONDE VIVE.

Eu peço paz
Pra não ver rasgarem os pontos que a guerra traz
Eu já vi demais
E os olhos cegam quando eu tento olhar pra trás

Me esvaziaram de tudo que eu podia acreditar
E me jogaram, submerso num rio de lodo, que não ia para o mar
“Isso é pra você aprender!”
“Você precisa lutar!”
… só não me disseram contra o quê…

Pra me acordar do coma
Me despertar pro Agora
E todo dia, eu nasço, cresço, adoeço, e morro um pouco mais
Dessa vida, a Doença dos Dias.

Teve um táxi que eu peguei, nem sequer cumprimentei
Pois estava tão perdido, não sabia pra onde ir
O homem abaixou o som, disparou sem hesitar:
Perguntou: ‘que cara é essa?’ e começou a me contar

Sobre a guerra em que lutou, sobre os tiros que tomou
Os amigos que perdera e sobre os seus caixões chorou
E tornou a perguntar o que eu estava a lamentar
Mas cheguei ao meu destino e saí sem lhe falar

Que eu não sei lidar!
Que eu queria ter problemas como os seus
O corte é na alma, e eu não consigo fechar
Mas posso aplaudir esse dia que nasceu

E eu sei que logo esse inverno acabará
E com as chuvas, vai-se embora esse pesar
Vai me tirar do peito o que há muito estava lá
Mas ficam as canções…
… são tantos corações pra confortar.

45 Respostas to “O VISCONDE VIVE.”

  1. bimba Says:

    D= .. essas palavras, doeem😦

  2. @fresno_maniacos Says:

    muinto boa a musiva amei
    SIGAM» @fresno_maniacos o melhor twitter sobre a fresno

  3. Henrique Ferreira Says:

    Lucas é a maior alma desse século. Como alguém pode escrever isso? Caraca

  4. gustavo Says:

    Meu, quero só ver a gravação disso lucas, mal posso esperar.

  5. Silvanya Says:

    Adorei! =)

  6. lebruce Says:

    Reblogged this on Sonho do Visconde.

  7. quimerasdasolidao Says:

    Reblogged this on Quimeras da Solidão.

  8. CarolzinhaPearl Says:

    Você, Você, Você…aaah, só você!!

  9. brenda Says:

    … são tantos corações pra confortar.

    os nossos.

  10. docevazio Says:

    Esse tal de Lucas Silveira contando minha vida com suas palavras…

  11. docevazio Says:

    Reblogged this on A morfina que batizei com teu nome..

  12. Priscilla Kinast Says:

    Essa é homem ao mar parte 2?
    Ai Lucas, torço muito pra que tu desencane dessa amizade… Que tu dedicou mais afeto que a outra parte.
    Eu to passando exatamente pela mesma situação, é foda. A gente acredita em falsas verdades, e quando da de cara com a mentira, essa faz com que todos os sonhos sumam, e a dor da solidão ocupe seu lugar. Torço por ti Lucas, torço por mim também. E que venham outras pessoas, que nos completem melhor. Há de haver pessoas melhores, pessoas como nós!

  13. Heloisa Alencar Says:

    Oxigenio.

  14. Ariane Silva Says:

    Gestalt-Terapia.

  15. gabriel-Austein Says:

    ta difficile mais não impossível

  16. Júlia Says:

    Demais. Triste demais. Enquanto nós não nos curamos, encontramos conforto nas suas palavras, ao menos…

  17. Helena Says:

    São tantos corações para confortar, mas principalmente, confortar o seu, que por vezes se encurrala nesse ‘mar de falsas canções’. A saída está perto, e o caminho cada vez menor!🙂

  18. Natália Says:

    MUUUITO PROFUNDO! Chegou a doer em mim!

  19. Natália Says:

    Tu consegue expressar através de palavras tudo que nós sentimos mas só conseguimos expressar com lágrimas! E ler isso me conforta demais. Obrigado!

  20. cyhmartins Says:

    Acho que existem muitas almas feridas e que vivem como o Vusconde.
    As vezes muitos destes textos são como história de muitas almas por ai.

    Incrível.

  21. Carla Buchalle Says:

    É… “o corte é alma, e eu não consigo fechar…”

  22. Diego Gomes Says:

    Reblogged this on More Confusion.

  23. Paulinha Costelha Says:

    Karen Jones fazendo milagres na vida desse homem! Segunda postagem após anos sem postar nada… Viva ao amor!🙂

  24. Carla Says:

    doi demais

  25. Mickael Says:

    “E os olhos cegam quando eu tento olhar pra trás”
    Talvez demonstre um “nostalgia” moderna da nossa juventude sem ideais, que olha pra trás pra descobrir algo nuevo!!

  26. Gabriella Suzart Says:

    Lindo demais!😀

  27. lumusloris Says:

    Eu venho aqui para encontrar conforto em tuas palavras.

  28. lumusloris Says:

    Reblogged this on .

  29. anajohannes Says:

    Coisa linda!

  30. Jason Mello Says:

    Seus textos são exuberantes e, leio-os sempre no ápice do ócio de estar em uma cadeira de frente ao computador do serviço. Por vezes me inspiro no que escreves e pratico em casa criando citações, textos e até músicas com temas postado neste blog. E depois de ler tuas idéias, teus pensamentos, estas acabam se tornando as minhas. Somos poucos neste mundo em que ainda damos valor ao romance e sabemos que estar em apuros é estar vivendo.

  31. Gabriel Lacorte Says:

    É o lance de entender a mesma dor, o mesmo sofrimento.
    É o lance de viver sem saber o que vêm.

  32. Sangi, Larah Says:

    Que eu não sei lidar. Não sei lidar com as suas palavras ;(((

  33. Eu posso,só que não Says:

    Reblogged this on Eu posso,só que não.

  34. 7chaves Says:

    Engraçado como eu adoro tudo que você escreve, até o texto mais disperso.

  35. Glaciane Santos Says:

    Reblogged this on Everything in life has its time….

  36. Elionai Says:

    Ô guri tu canta e encanta com tuas palavras. Grande sábio Lucas Silveira.

  37. Elionai Says:

    Ô guri tu canta e encanta com tuas palavras. Grande sábio Lucas.

  38. consequenciairrefutavel Says:

    Reblogged this on Consequência Irrefutávele comentado:
    “Você precisa lutar!” …só não me disseram contra o quê…

  39. adiosradar Says:

    Música nova, pelo visto. Muito Visconde esse ano!
    Quem dera tu fosse mais como as coisas que tu escreve.

  40. Ariane Ievenes Says:

    AHHHH *-* Que bom que ele voltou a escrever aqui *—-* Adoro estes textos ♥

  41. Maria Eduarda Bosquerolli Lopes Says:

    Passei a ler aqui faz pouco tempo, para quem pergunto não sabem responder. Isto é um blog do Lucas? Sábio homem!

  42. lucasvinicius26 Says:

    Republicou isso em Um Épico do Tempo Perdido.

  43. Gabriela Says:

    Incrível como teus textos parecem “me entender”.
    “O corte é na alma, e eu não consigo fechar”… É, talvez a dor da alma seja algo que temos que aprender a lidar até encontrarmos a cura.

  44. bluueice Says:

    Republicou isso em coisasdesaleatorias.

  45. Gabriela Says:

    Aguardando ansiosamente a gravação dessa belíssima canção.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: