A Pequenitude das Coisas Grandes.

Lembro de uma fixação latente por mãos. Talvez ela nem saiba que tem mãos ansiosas. Ela não quer saber de uma porção de coisas. Talvez saiba demais. Talvez eu a tenha deixado saber demais. De boca fechada, meus olhos gritam mais alto que o barulho da tevê que ilumina o quarto. Lembro de fechá-los por vontade própria, a fim de que ela não me visse despido de tudo que eu crio pra que ela não preste muita atenção em mim.

Distrações. Uma grande orquestra tocando uma pequena canção. Detalhes singelos que ganham proporções quase épicas. As mãos ansiosas. Lembro de jogar pedras naquela janela para, quem sabe, enxergar através das brechas algo que me mostre que eu não sou o único perdendo a razão aqui, nesse sofá. Sinto que somos como dois carrosséis que giram em sentidos opostos. Eu não quero saber o que acontece quando estamos de costas um para o outro.

Há pouco estávamos aqui, enxergando um ao outro de uma distância que pode ser medida com os dedos de uma mão. Em meu carpete, marcas de sapatos que viajaram o universo procurando sentir aquilo. E eu senti tudo aqui, quieto. Fechava os olhos sempre que sentia os meus pensamentos tentando saltar através das órbitas. Tive medo de vê-los derramados pelos lençóis, de vê-la olhando atônita para aquilo tudo, como se não fosse capaz de ouvir os meus olhos gritando.

Já tive sentimentos imensuráveis. Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito. A orquestra foi perdendo, aos poucos, seus membros mais importantes, até que o desfalque era tamanho que me feria os ouvidos. Uma desafinada sinfonia, sem melodia nem cadência, conduzida por um maestro que não está mais lá. Hoje minha filarmônica ensaia um movimento diferente, que eu tento chamar, mas não consigo, de distração. Uma grande orquestra tocando uma pequena canção.

E a música dela é nova, é rara, é curta, e quase nunca toca no meu gramofone. Mas é no mesmo tom da minha. Ela parece não saber que cada nota ficou na minha cabeça, como uma partitura escrita pelas paredes da minha casa. Ela parece não querer saber. Mas cá estou eu, sempre falando um pouco demais.

Porra, guria. Porra. Quem te escreveu assim?

104 Respostas to “A Pequenitude das Coisas Grandes.”

  1. Thi Says:

    quem dera alguém escrevesse algo assim se referindo à mim. Com ansiedade nos dedos e na alma.

  2. Raelson Says:

    Vou ler, esperei até agora né? rs vou dormir feliz =)

  3. feerscheffer Says:

    Vou ler, esperei até agora né? rs vou dormir feliz =) +1

  4. Ana Says:

    Vou ler, esperei até agora né? rs vou dormir feliz =) +1

  5. @beatonrepeat_ Says:

    Se eu soubesse utilizar as palavras que o MESTRE usa, eu seria um GRANDE escrito e um GRANDE musico, Parabens Lucas, pelos seus TEXTOS e pelas suas Musicas

  6. feerscheffer Says:

    Que texto mais lindo, incrível.

    “Já tive sentimentos imensuráveis. Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito.”

  7. carina Says:

    quem dera alguém escrevesse algo assim se referindo à mim. Com ansiedade nos dedos e na alma.+1

    não sei como, mas s vezes parece q tu entra no meu coração e descreve tudo exatamente o que se passa nele “/
    adorei,chorei..lindo
    Parabéns

  8. Isa da Costa Says:

    como os ínsones iam ser os primeiros a ler, esperei até agora *-* arrasou como sempre. você tem o dom de escrever coisas pra tocar lá no fundo. vou dormir feliz =) +2

  9. Juliana Fernandes Says:

    Vou ler, esperei até agora né? vou durmir feliz =) 3.
    valeu a pena esperar!! Lucas, eu queria saber o que ou quem te inspira desse jeito simplesmente surreal? cada palavra faz total sentido, cada verso que é lido vai ao pensamento “como pode?”. estou eu a devanear.

  10. carool Says:

    Vou ler, esperei até agora né? rs vou dormir feliz =) /3/

  11. Wallace Medeiros Says:

    Nossa, perfeito o texto.
    agora sim indo dormiir.

  12. Paah Says:

    porra. Como tu escreve assim? O.o
    Descreve cenas que passam pela mente e formam imagens perfeitas.
    Insone. Sim.
    Porem tentando gritar. Mais não me sai som algum…

  13. Gabriela Says:

    Meuu que tudoo *-*

  14. Katrine Abatti Says:

    Enfim.

  15. danna Says:

    Lindo, omfg *-*
    “Uma grande orquestra tocando uma pequena canção.”

  16. Carol Says:

    Caralho Lucas, Caralho!

    Teus textos me deixam sem palavras e no mínimo me fazem refletir.
    É tão bom poder ler tuas palavras aqui guri!
    Tu não faz ideia de quanto seus textos acalmam corações.

    Parabéns mesmo, teu talento é raro demais guri, aproveita o que te deram de sobra!
    Poeta ♥

  17. Renata Says:

    ‘ Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito.

    me faltam palavras pra dizer o que sinto quando leio seus textos.

  18. @holandamii Says:

    Sem condições para descrever, em poucas palavras tudo o que sinto, penso e quero dizer…

    “Já tive sentimentos imensuráveis. Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito.”
    IDEM.

    Parabéns novamente Lucas, te admiro.

  19. Renata Says:

    Nossa! Queria ter a sorte dessa Guria!! significar algo tão profundo a alguem especial e querido como vc!!
    Parabens pelo Otimo Texto!!

    beijoss :**

  20. @saulo_rocking Says:

    INCRÍVEL, você usa em seus posts palavras certas para descrever sentimentos comuns e intrínsecos a quem sente o coração palpitar ante um relacionamento.

    Gosto de analisar seus textos. Gosto quando tu compara relacionamentos à canções, que não consegue ‘ouvir, ou cantar, ou tocar’. É PERFEITO!

    Parabéns, além de um grande compositor, tu és um grande escritor! EXCELENTE LEITURA!

  21. Day Shinoda Says:

    A profundidade de suas palavras me faz enxergar coisas que nunca pensei ser possivel, mesmo em mente.
    Eu precisaria de umas 50 vidas para poder sentir sozinha o que vc me transmitiu agora.

    Dormirei feliz🙂

  22. Aline Says:

    Primeiramente, parabéns. Estou agradecida por me dar a honra de ler um texto lindo desses.
    Quem dera alguém escrevesse algo assim se referindo à mim.+1

  23. Luiza Says:

    Todo mundo esperando para ler. hahahaha Porque tudo o que você escreve é incrível, perfeito. Adorei o texto.

  24. Hellen Ferreira Says:

    Nossa caraaaa @_@ , muito lindo isso , de uma certa maneira me sinto até a autora desse texto , caralho gostei demais disso , já que como eu amo escrever né , sou uma escritora de gavetas oaushuahsuahsu =)

  25. jootah Says:

    Simplesmente ótimo! Agora dormirei!

  26. victornuts Says:

    caralho lucas,tá bom o teu texto,tu escreve bem pra caralho ein velho!! e gostei do fato que se encaixa comigo,agora,falando de relacionamentos que perdi😀 belo texto,segue assim e faz um livro deles ! abraço

  27. Amanda Bonfim Says:

    amei de verdade. sou fã dos seus textos. parabéns !

  28. Amanda Says:

    Realmentee^^

    Fiquei esprando vc postar e valeu apenaa!

    A se eu conseguisse escrever metade do que vc escreve…
    Parabens Lucas, sou sua eterna fã.
    Tanto nas musicas, quanto nos textos…vc é muito bom no que faz!
    Parabens mesmo e saiba que tem muita gente que te admira muito.

    beijos amor!

  29. kahcavalcante Says:

    Os grandes poetas tiveram suas perdas para assim poder escrever belas coisas, se sofrestes essa perda eu nao sei, e a mim pouco cabe saber, mais que voce anda detonando com as palavras, isso anda sim!

  30. Yayá Says:

    que a nova canção faça com que você tenha sua tão esperada sinfonia. aproveite e torne-se maestro dela🙂

  31. hfanti Says:

    Let’s take the easy way out
    Let’s move away for good
    Let’s pull the curtains down and leave

  32. Camila Says:

    tuas palavras me causam nostalgia

  33. R4F4 Says:

    Fala Paraiba, Beleza?
    Talvez não se lembre de mim, na verdade é certeza que não se lembre, mais eu me lembro.
    tomara que tu esteja bem.. depois de deixar um relacionamento de 7 ou 8 anos para traz para vir a sampa fazer de um sonho realidade… atualmente, lendo seus textos parece esta sofrendo talvez o mesmo tanto que a guria sofreu com tua partida naquela época, talvez seja reflexo dos seus deslizes, e cabe a ti mudar TUDO.

    anima-te.

  34. Fernando Says:

    Perfeito!!! Como sempre..😉

  35. Tatiana Camilo Says:

    Pô Guri… como você escreve bem assim?

    Há tempos acompanho seu blog e sempre me supreendo com a intensidade de uma frase aqui, uma frase cá. E não entendo o motivo da minha surpresa, porque na verdade me identifico e lendo seu texto eu me confesso.

    Se quiser passa lá no Espelho Mágico: http://www.espelhomagic.blogspot.com .

    Até

  36. Mihh Says:

    ÊÊÊÊ guria sortuda essa do texto!

  37. Mariana Vicenzo Says:

    “Hoje minha filarmônica ensaia um movimento diferente, que eu tento chamar, mas não consigo, de distração”

    talvez o único lucro que essa guria te deixou, foi a gana de querer ouvir cada dia agora, uma música diferente.conhecer outros tons, atingir outras notas… sem perder nenhum segundo que possa lhe remeter às tais melodias que estão TATUADAS dentro de você mas que agora, nem são tão legais de ouvir.

  38. kassiafelix Says:

    “Já tive sentimentos imensuráveis. Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito. A orquestra foi perdendo, aos poucos, seus membros mais importantes, até que o desfalque era tamanho que me feria os ouvidos.”

    exatamente isto, esse foi o texto seu, mais dificil que já li até agora;
    vocé fez um comparação perfeita, como todas as outras… porém esta me imprecionou, vocé se sent como eu… e isso é triste, mas superável…

    creio que eu ainda vou ter novos sentimentos imensuráveis, se já não os tenho, e vocé tem que telos tbm, acho que se um dia eu ler que vocé desistiu deles, eu tbm desistirei dos meus… isso em fração de milessimos.

    e faço das palavras da pessoa acima as minhas:

    “talvez o único lucro que essa guria te deixou, foi a gana de querer ouvir cada dia agora, uma música diferente.conhecer outros tons, atingir outras notas… sem perder nenhum segundo que possa lhe remeter às tais melodias que estão TATUADAS dentro de você mas que agora, nem são tão legais de ouvir.”

    te amo genio ♥

  39. Minky Momo Says:

    “Pedras na janela” me lembrou uma canção do Evanescence🙂
    http://letras.terra.com.br/evanescence/68613/

  40. Isabela Says:

    Foda, muito foda.

  41. Gabii @lovebeeshop @gabii_BSB Says:

    Incrível, mais uma vez!!!

    “Já tive sentimentos imensuráveis. Imensurável também era tudo que vinha agregado ao fato de sentir algo que não cabe no peito.”

    Eu te amo, DIVO!!! É tão bom passar aqui no seu blog, me faz um bem danado!! S3

  42. Ana Johannes Says:

    PORRA,BEESHOP!

  43. Dreeh Says:

    Nooossa!
    Muito lindo …
    A linguagem te leva pelo sentido do texto adorei!!!

  44. alanabordonalli Says:

    “Quem te escreveu assim?”

    Sentimentos maiores do que podemos aguentar..

  45. Érica Says:

    Fabuloso!

  46. Pati Zambrini Says:

    você me inspiraa, transforma em plavras, textos e canções os meus pensamentos e eu cada vez mais ME APAIXONO POR TI!

    você é um poeta pós-moderno isso sim!

    TE AMO LUCAAAS! ♥

  47. @tha_nascimento Says:

    “como se não fosse capaz de ouvir os meus olhos gritando.”

    nunca vou cansar de dizer que você é foda!

  48. @jessiikamendes Says:

    PQP simplismente perfeito , tu transformo em palavras todos os meus sentimentos *–*
    como pode alguem escrever algo que se pareça tanto cmg ..
    Beeshop DIVO ♥

  49. Bruna Anselmo Says:

    Sempre acho idiota quem diz que chora lendo algum texto, pois nunca acredito que choraram de verdade.
    E desta vez, eu que tenho que te dizer, CHOREI lendo esse texto, sério.
    Muito lindo, PQP.

  50. Alinne-pirulito Says:

    esta foi algo simplesmente lindo,com palavras suaves,sensíveis..concerteza e sem sombra de dúvidas foi inspirador!PQP heim!

  51. Alinne-pirulito Says:

    concerteza não há nimgém mais inspirador que ti!
    tu não sabes o quanto te gosto!
    ”Aquele que enxerga com outros olhos, que vê o que mais nimguêm vê..é você Sr. Lucas Silveira! meu poeta..minha inspiração de cada dia és tu!

  52. baarpuente Says:

    Ah, sempre me encanta, cada vez mais.

  53. Fernanda Ribeiro Says:

    Acho que viciei nos seus textos😀

  54. Juh Says:

    ESSE FOI PRA DEMI LOVATO APOSTO !

  55. Giuliana Says:

    Meu Deus como esse povo é puxa saco!!! zoeira muito foda o texto! Agora gramofone foi tirado do fundo do baú hahauhuauahuhauhauha beijossssssss

  56. sopralembrar Says:

    Porra, Lucas. Porra!

    Ela sabe, Lucas.. Ela sabe!

  57. Junior m Says:

    sem palavras.

  58. Juliana D. Says:

    :S

  59. R. M. Gonçalves Says:

    Bom texto, excetuando o silêncio das entrelinhas.
    Sempre me divirto com os comentários…

    De quebra, lembrei-me de um vídeo:

  60. Jéssica Caroine Says:

    Sobre esse, não tenho palavras. Você é simplesmente incrível!

  61. Luciana Says:

    A melhor história é contada nas entrelinhas…

  62. Bru Tavarina Says:

    aah , Lucas …
    sempre me fazendo chorar, com esses textos qe tocam na alma .
    Divoo *—*

  63. JUlly Says:

    kassengaasss………………….
    perfeitament maneerooo
    esse tal d Lucas eh d+
    vc eh humano ??

  64. Talessa Says:

    tu acaba comigo com esses textos.é lindo!

  65. . Jèssica Says:

    como tu consegues ser tão perfeito?
    meu deus Lucas você sempre me surpreendendo com essestextos,
    E nem se eu ousar usar as palavras mais grandiosas e glamourosas do meu vocabulario, vai ser sempre pura eufemia se for pra falar te ti….

  66. Marc Says:


    Very good!

    Hugs my friends

    Adios bambinos…
    Hasta luego😉
    Marc.

  67. Paulinha Says:

    *—-*

  68. detestertrois Says:

    Textos sempre bem intensos. parabéns.

  69. limaamanda Says:

    Oiii Lucas
    tudo bem?
    dia 23 do mês passado vcs fizeram um show em Dininopolis-MG
    nãoooo sei se vc lembra
    masss
    eu te entreguei uma carta e morrendo de vergolha pedi pra vc ler depois..
    vc leu??

    como já dizia Dinho Ouro Preto “Se não faz sentido discorde comigo não é nada demais..”
    rs

    bjuu

  70. Maria Paula Says:

    Um dia eu vou conseguir ser tão trasparente nos meus textos como você é. De verdade, eu me apaixono e me orgulho do seu trabalho – e de você – o quanto mais eu descubro sobre ti. Gosto do jeito que tu escreves. Gosto do jeito no qual fostes escrito, guri! ♥

  71. Marcela Lopes Says:

    Sinceramente, achei esse texto um dos melhores do blog. Não sei se é pelo momento em que vivo, mas me caiu como uma luva. Admiro demais seu trabalho, como escritor, excepcionalmente. Obrigada por nos dar a honra de ler algo assim.
    Se ser de uma olhada no meu: http://culturasfulgrais.blogspot.com/.
    Desde já agradeço.

  72. Marcela Lopes Says:

    Sinceramente, achei esse texto um dos melhores do blog. Não sei se é pelo momento em que vivo, mas me caiu como uma luva. Admiro demais seu trabalho, como escritor, excepcionalmente. Obrigada por nos dar a honra de ler algo assim.
    Se der, dê uma olhada no meu: http://culturasfulgrais.blogspot.com/.
    Desde já agradeço.

  73. E. Andrade Says:

    Teu olhar ontem me fitou e me fez desacreditar que as impossibilidades podem se tornar reais.
    Obrigada por alçar o tom ♪

  74. Leandro Lopes Silva Says:

    Lucas,

    Estou procurando de todas formas contato com você e esse é mais uma das formas, hehehe!!!

    Meu projeto de TCC para me formar em jornalismo é escrever um livro contando os 10 anos da banda Fresno.

    Amanhã (dia 17/05) estarei com o Helio da Arsenal para entrevista-lo e passar mais detalhes do projeto.

    Já consegui falar com o Vavo e com a Gabriela (da comunidade) e explicar um pouco do que será, gostaria de também poder contar com sua ajuda.

    Criei um twitter especialmente para o projeto é @TCCFresno10anos e o meu twitter pessoal é @leandrinholopes

    Conto com sua colaboração para realização desse sonho e dessa homenagem!!!

    Grato,

  75. May Says:

    Quando topei trabalhar junto à produção do show da Fresno aqui em Brasília, me dei conta que sabia muito pouco sobre vocês. Comecei um “laboratório”: Comprei CDs, explorei sites, passei a ler twitters, e nessas voltas… encontrei esse teu espaço.

    É brilhante! Das coisas que hoje vivo sobre vocês, essa é a que mais gosto. Passou a fazer parte do meu cotidiano. E sinto que o show de sábado vai passar… e eu vou continuar voltando aqui. Parece que as tuas palavras dão lugar a muito do que eu sou também.

    Falando em show, parece que vamos nos conhecer no sábado. Brasília está bem ansiosa pela chegada de vocês.

    Até lá, então!

  76. Pri Says:

    nossa lucas, tu escreve MUITO bem guri.
    tem frases perfeitas, muito lindas.
    tomara q tu consiga resolver logo oq ainda não está certo com essa guria.
    desejo mesmooo!
    parabénsssss!

  77. Itarcio Says:

    Podemos nos identificar com uma frase ou outra, até parágrafos, sem sequência, mas a verdade é que só entende tudo quem escreve.
    Pra mim soa confuso determinadas partes, outras já parecem ter sido escritas por mim, mas é isso que é, na sua essência, a poesia.
    Não precisa fazer sentido a todos se faz sentido pra quem escreve, você mesmo disse, Lucas, de tanto falar disso parece que se cura. Congratulations.

  78. Adriane Says:

    Nada como um coração partido. É sempre nesses momentos que surge a maior inspiração, os textos mais bonitos e sinceros, por mais que tu seja mestre em escrever. Apesar da dor, ficou ótimo e boa sorte pra ti.🙂

  79. Nathália Says:

    Tu escreve bem pra caralho Lucas, seus textos realmente inspiram, apesar de um certo tom melancolico seus textos dão vida.

  80. Laii Says:

    Muito Lindo, o texto! *-*
    Parabéns, Lucas, continue assim!
    Acompanharei sempre que puder!

  81. FaaH Says:

    Tu escreve de uma maneira que realmente eu nunca vi!nos textos a gente vê: emoção,veracidade,e sinceridade totalmente propria dos teus textos porra MUUUUITO BOM!!! parabens e continua escrevendo

  82. Natane Says:

    Como Leonardo Da Vinci pintava tão bem, ele era perfeito, e suas obras foram aperfeiçoadas, eram sua vida.. Tu és o Da Vinci da música, como ele, és perfeito. Como ele, tens criações do outro mundo, as mais incríveis, as mais invejáveis. Se eu pudesse, colocaria-as em uma exposição, pois a perfeição está ai, não há nada melhor.
    Lucas, se torna cada vez mais, és inspiração para milhares de pessoas, eu sou uma delas, agradeço por você existir. Obrigada e continua assim, fazendo o que você sabe fazer de melhor.
    Beijos.

  83. Marcela Villa Says:

    Após ler teus textos fico realmente sem palavras.
    Vou e volto o tempo todo pra reler . Mas a cada vez que volto me deparo com uma nova visão de algo que a muito já estava ali . Das quase dez vezes que li o mesmo texto me pego hipnotizada por uma parte não percebida ,por uma frase que tinha passado batida mas que algum tempo depois vai no fundo do meu pensamento e me faz refletir . E creio eu este é o melhor dos teus textos posso ler quantas vezes for que sempre percebo algo que estava ali só que ainda não queria enchergar .Algo que me comove que me faz ver de novo e de novo e reparar no que foi deixado pra traz. Toda vez que passo por aqui uma parte de mim se amplifica ao ver uma visão nova de algo que já estava ai.

    Beijo .

  84. Anna Moyer Says:

    Paraíba querido,

    acho que o que você precisa agora não é de elogios. E sim, parar, pensar e sentir. Se permita ficar na “merda” por um tempo para poder dar passos a frente, que sejam consistentes. Não tenho a menor ideia do que aconteceu entre vc e ela, mas qualquer que seja a razão o ponto final foi colocado. Se lhe fere, siga em frente.

    Te conheço das suas vindas ao Rio, mas nunca tive a coragem de lhe falar diretamente, mas enfim espero que vc fique bem.

    Só mais uma coisa, escute The Script, a música Breakeven (“They say bad things happen for a reason, but no wise words gonna stop me bleeding. Cos she moved on while I’m still grieving…and when a heart breaks no it don’t break even)

    Bjs

    Se cuida

  85. Victória Martins! Says:

    tu é foda, fato *-*

  86. Laura Says:

    Lindo texto… muito lindo!

  87. Bárbara kayser Says:

    tu é foda, fato *-* +2

  88. Bruna Says:

    Porque tu some?

  89. pensamentosfortuitos Says:

    Posto nesse por ser o ultimo, mas todos aqui são tão bons, dificil escolher só um. Lucas foda *-* Meu blog: http://pensamentosfortuitos.wordpress.com/

  90. JonathanGermanotta Says:

    nossa sintome em xoque T_T tudo que eu estava precisando hoje era de ler um testo como esse . obrigado lucas .

  91. pensamentosfortuitos Says:

    Lucas é foda! Mais um post foda *-*
    Inspiração. rs Meu blog ai, galere: http://pensamentosfortuitos.wordpress.com

  92. barbarafrs Says:

    como consegui escrever uma coisa tão perfeita assim

  93. Mayara Says:

    Lucas, virei sua fã! E não é por causa das melodias, nem da Fresno em si. Virei fã do LUCAS SILVEIRA, aquele que consegue decifrar os sentimentos e transportá-los tão bem para as palavras. Como você consegue? Fiquei realmente sem palavras quando li Das Coisas Que Me Fogem Ao Controle, e agora cá estou, novamente sem palavras. Você é um dos melhores escritores e poetas que eu já vi! Parabéns, de verdade! :’)

  94. Maary Freitas Says:

    “Será que existe burrice maior do que saber todas as respostas? E sabedoria maior que a sabedoria de se deixar enganar?”

    Você traduziu exatamente o que eu tentei por taaaantas vezes por em palavras pra explicar pra alguém o porque da minha situação!
    Incrível teu dom! Você é demais!
    Beejos! ;*

  95. Camila Says:

    Bah, o texto é muito bom!

  96. MayaraLins Says:

    É aquela bola de neve que vira uma avalanche.

  97. @duka_cavalcanti Says:

    Maravilhoso.

  98. Mariana Brum Says:

    Vai se fuder Lucas, caralho Lucas! Hahahahaha
    Como você consegue descrever tudo isso?
    Parece que eu consigo ver tudo o que você fala! Quando eu termino de ler os teus textos eu me sinto tão bem.
    Te admiro meu mestre, eu te amo.

  99. BrunahFReytas Says:

    Lindo,muito lindo,só fico imaginando quem te fez sofrer dessa maneira.
    Tu não merece,mais saiba que apesar de uma pessoa não te corresponder,ha milhões de gurias que fariam de um tudo para que tu sentisse tudo isso por elas(e claro eu também).
    se por acaso você ler isso saiba que ha pessoas nesse mundo que te amam muito,enclusie eu!
    beijo.Te amo!

  100. @FReyttahs Says:

    nã canso de ler esse texto,parece que você ficou me observando por semanas e escreveu exatamente o que estou sentindo no momento,mas como eu não tenho a capacidade de colocar pra fora os meus sentimentos,tu fez isso pra mim…Tu não é perfeito,mas faz coizas perfeitas,o que te torna perfeito,não da pra chegar a outra conclusão, Lucas me faz um favor?Escreve um livro!!!
    PORRA TE AMO!!!

  101. @RFreyttahs Says:

    @RFeyttahs**

  102. karol Says:

    Volta a escrever, idolo…

  103. A Pequenitude das Coisas Grandes | Gramofone Lunar Says:

    […] Lucas Silveira […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: