O Novo.

A gente acha que, por já ter jogado uma ou duas vezes, pega experiência. PAPO.

Mais uma cidade. Novo ar. Uma casa nova, no mesmo lugar. No entanto, acumulam-se teias de aranha naqueles cantos da nossa alma que a gente tem medo de mexer. Sempre tive medo de mudar a ponto de não me reconhecer em escritos antigos, espelhos empoeirados. Então eu volto ao estado inicial, aquele de anos atrás. A gente sempre acaba voltando pro cassino. Mas o jogo é outro, mais difícil, imprevisível e com uma aposta mínima que a gente simplesmente não tem como pagar. É o mundo ensinando a gente que ainda não deixamos de ser os adolescentes cheios de dúvidas que éramos. A diferença é que somos maiores que outrora, e em nossas cabeças há ainda mais espaço para mais e mais questionamentos. Quanto mais claro fica para mim a noção do que é certo, mais meus pés apontam para o obscuro caminho do absolutamente desconhecido.

Não posso dizer que não gosto. Mas também não direi que tem sido simples. E o que é simples, aos vinte-e-tantos anos?

A gente se sente velho demais para jogar tudo pra cima e fugir. A gente se vê jovem demais pra dar o próximo passo sem olhar pra trás. Então a gente fecha os olhos e caminha até cair. A cada vez que ergo meu corpo, percebo nos pés descalços a textura de um novo chão, na pele o toque de um vento que vem de outro lugar, e que traz consigo outros aromas. Um deles, em especial, me captura o olfato, prendendo-me numa não-intencional caçada sem espingarda em punhos. É o momento em que meu peito pode ser perfurado pela mais insignificante flecha de papel.

* Na mosca, guria. Na mosca.

É sua, aquela silhueta turva dois quarteirões adiante?

Por quê sozinha?

Seria apenas na minha cabeça?

Tenho acordado de sonho nenhum, tenho dormido apenas pra ver se paro de sonhar…

… pra variar.

E é tão real, o pesadelo de perder o discernimento pra sempre.

Mais uma cidade. Novo ar. Uma casa nova, no mesmo lugar.

O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.

94 Respostas to “O Novo.”

  1. jessica werber godoy Says:

    ADOREEEI❤

  2. Emanuella Oro Says:

    Tu aprendeu a cair e a se levantar, sempre.

  3. Taiane Says:

    O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.
    demais, demais.

  4. Mona Galvão Says:

    O amor é importante, mas dói.

  5. Lucas petroni Says:

    Foda como sempre!

  6. Fernanda Says:

    “Tenho acordado de sonho nenhum, tenho dormido apenas pra ver se paro de sonhar”

    Belo texto, como sempre Lucas. Adorei. *-*

  7. Larissa Lopes Says:

    escreve bem, só poderia ser você mesmo !

  8. Caroline Says:

    ameeeeeeeeeeei Lucas perfeitoo sz’

  9. Gabriel Says:

    cenas na minha cabeça mano.. as vezes isso aqui é o meu Grilo do Pinóquio!
    Ta aê…

  10. Rodrigo Ceni Says:

    Não precisa de comentários. O texto fala por si só!

    Genial, genial, GENIAL!

    Tu és o cara. O Brasil está aos seus pés ;]

  11. Bruna Says:

    Ha . concordo contigo .
    mas esses palavrões novos podem servir par aalgo algum dia quem sabe ;D

  12. Fernanda Says:

    “Tenho acordado de sonho nenhum, tenho dormido apenas pra ver se paro de sonhar…”

    Que lindo Lucas, como sempre. Achei foda. *-* Amores…

  13. Gabrielli Says:

    Meu sem palavras.
    É isso que passo todos dias. me sinto bem e mal por saber que não sou a unica que passa por isso.
    Ma como mudar?? ñ dá é sempre assim.

    Lucas parabéns guri vc é Foda.

  14. Ingri_dih Says:

    nada mais que a verdade! Esse beeshop é foda !

  15. vandinha Says:

    OQUE SINTO É QUE ESTAS CRESCENDO.É DIFICIL,DOLORIDO E CRUEL.NAS É ASSIM MESMO.SEMPRE TEREMOS BUSCAS,SONHOS,DELIRIOS,FUMAÇAS,RISOS FORÇADOS,GOZOS SEM PRAZER,MÃOS Q NÃO ACARICIAM,CORPOS Q Ñ ENCAIXAM,CAMINHOS Q Ñ LEVAM,MAS SEMPRE TEREMOS MAIS UM ANO PARA VIVER.E ISTO É A MARAVILHA DE ESTAR VIVO E SABER DANÇAR CONFORME A MUSICA TOCA!!!!!”BEM VINDO A VIDA ADULTA MEU GURI”

  16. Pyroboy Says:

    Nada melhor do que ler um pouco teus textos e saber na pele o que é isso

  17. rafael Says:

    genius , just!

  18. Raelson Says:

    Realmente, adoro ler seus textos.

  19. Predo_ Says:

    a última frase é incrivel, como todo o texto.
    Acho que a musica brasileira tava precisando de compositores/autores como você !
    e ai está! Valeu Lucas!!

  20. @pedponto Says:

    Belo texto, cara, deep shit. Eu só fico triste de ver os comentários, que não condizem com o nível do teu escrito, deixam a falsa impressão de que só quem te lê são aquelas piázinha de 14 anos que não entendem o que queres dizer mas concordam, elogiam e veneram por tu ser tu mesmo. Haha é o preço da fama, i guess, mas ainda sim, parabéns pelo texto. Mesmo.
    Abraço.

  21. xande Says:

    Parabéns, Lucas.
    É incrível como tu acerta magnificamente tudo que as pessoas sentem.
    Tu sabe das coisas, velho. Tu é um espelho pra muita gente nesse Brasilzinho.

    Parabéns.

  22. Gébis Says:

    Você diz tudo oque eu sinto e não consigo traduzir. Genio.

  23. Michelle Says:

    Pow não conhecia este site seu,mas li este ultimo tópico e gostei muy; Tudo que a gente vivencia ou revivencia sempre nos ensina algo pois sempre estamos com novos olhares atraves de uma nova otica de uma mesma situação.Irei relê-lo e olhar os outros.

  24. Jéssica Ferreira da Silva Says:

    haaaaaaaaaaaa, amei amei amei *o*
    como voce é lindo, suas palavras são perfeitas, suas musicas as melhores *o*
    não a meeeeeeelhor que voce ♥
    eu te amo e parabeeeeeeen meu amor
    vsnão sabe que eu existo mais não IMPORTA oque importa e o meu sentimento
    e é claro o sentimento que eu sei que voce tem pelo os seus fãns s2

  25. Anne Says:

    profundo,mexeu com os meus sentimentos!:\

  26. @jackmassalai Says:

    mestre
    O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.

  27. Ana Carolina Says:

    Siiim, me sinto velha demais pra jogar td pro alto e jovem demais pra dar o próximo passo.
    Ótimo texto!

  28. Karol Says:

    Simplesmente demais….faz todo o sentido nesta caminhada que chamamos de vida…bj’os….ameiii

  29. Juliana D. Says:

    Puta merda, Lucas Silveira.
    Puta Merda!!!

  30. Hellen Says:

    Digno de você ! eu te amo cada dia mais,
    Volta Redonda pirou com vocês! Parabéns.
    NADA É IMPOSSIVEL ! (LLLLLL’

  31. @nicollebarreto Says:

    ‘O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos. ‘ acho que todo mundo aprende isso com o amor, mesmo que não queira.
    Parabéns Lucas.❤

  32. Caah Says:

    me abriu os pulmões guri (L)

  33. Manu, Says:

    Eu achei que as coisas só ficassem mais simples com o tempo. Me enganei, hehe. Gostei do texto, reflete alguns pensamentos meus… Pra variar. Te cuida, Lucas. (L)

  34. @kamilasoares Says:

    Nossa, faz muito sentindo mesmo, se for parar pra pensar é um pouco de nossas vidas escritas por você. Parabéns Lucas

  35. Zoka Says:

    Exatamente o que eu precisava ler nessa manhã medrosa!
    =X

  36. Tudinhoo' Says:

    O que aprendi com o amor? Palavrões Novoos! PERFEITÃAO de maiis😉 a viajeem internaa de muitaa gentee! Inclusive a minhaa!

  37. Bruna Bianconi Says:

    Isso que você falou sobre os caminhos, sobre mesmo lugar mas novas jogadas, cara, você sempre fala o que eu vivo, é claro, somos diferentes, temos reações diferentes, mas passamos todos pelas mesmas situações.
    O seu jeito de encarar a elas muitas vezes abre meus olhos que por tantas andam ofuscados e perdidos em multidões…obrigada por isso.

    E quanto ao amor, ele me ensinou palavrões, me deu dores que eu nunca imaginei existir, mas no final das contas me faz viver e isso é bom.

    Beijos mestre :*

  38. @frann_zinha Says:

    A cada dia, a cada nova palavra admiro mais e mais !
    Lucas como pode escrever tão bem e parecer sempre kerer nos dizer akilo q precisamos ouvir nakele momento ?
    Sugestão: escreva um livro para nós !!

    Te admiro mto mesmo !!

  39. Andrea Says:

    Só me resta bater palmas diante de seus textos e me curvar em reverência.

  40. Anyone Says:

    “Quanto mais claro fica para mim a noção do que é certo, mais meus pés apontam para o obscuro caminho do absolutamente desconhecido.”

    Parabéns!

  41. Bruna Says:

    Old enough to know. But too young to care.

  42. palavrasforadeordem Says:

    ‘O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.’ eu ri😀 AUEHUAE’
    muito bom Lucas ;D

  43. Jéssica Sousa Says:

    Como sempre tu impressionando a cada post. Muito foda!

  44. alanabordonalli Says:

    tenho que pensar muito nisso, na real.
    Parabéns Lucas😉

  45. @manupelegrini Says:

    Como sempre, tu é incrível. Em cada post tu escreve alguma coisa que parece que foi feita pra eu ler exatamente agora. Te amo mestre, tu é foda ♥

  46. segredosdeliquedificador Says:

    Silvera, que tezto é esse?
    Até arrepia lendo. fodá, fodá

  47. Kelen Moraes Says:

    “O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.”

    com toda a certeza

  48. Tais Says:

    VC É O CARA!!!! VC ESCREVE SUPER BEM, QUERO VER UM LIVRO SEU UM DIA! VC É COMPLETO….PARABÉNS….BJOS =)

  49. bmassolino Says:

    A ultima frase é genial. Pra variar né.

  50. fila Says:

    massa em velho…

  51. kassiafelix Says:

    e o que dizer desse texto?

    serviu extremamente para mim? inteiramente?
    só não tenho vinte e tantos anos e muitas experiencias…
    mas o que sentimos é o mesmo medo que o nosso peito seja perfurado pela mais insignificante flecha de papel, mais uma vez… é o medo da nova cidade, do novo ar, de uma casa nova, porém no mesmo lugar.

    o amor tem suas armadilhas, quando pensamos estar fortes para as suas batalhas, PUFT! caimos nesta armadilha novamente…

    e como reviver desta armadilha chamada amor ? o amor que nem cabia no nosso peito e hoje é o mesmo que o perfurou com uma enorme pontada, causando uma das maiores dores já descritas.

    O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.
    (disse tudo divo perfo sdidshoiahdisasad) ♥

    vocé é o melhor Lucas Beeshop <♥
    ha é o seu CD, sem comentários, simplismente o melhor que eu já ouvi ponto; e que anda me ajudando e muito a superar todas as dores.

    te amo ídolo ♥

  52. Mariana Vicenzo Says:

    é que é muito mais fácil ‘empurrar com a barriga’ certos sentimentos, certas preocupações e por mais que aquilo torne à se repitir e torne à nos aborrecer, é como se nosso coração e nossa alma simplesmente ignorasse… mas é claro que todas as mentiras que inventamos à nós mermos um dia acabam, e somos obrigados à aceitar tudo vir a tona… e agente só tem perguntas e perguntas como ‘de que vale?’

    e é por isso que mermo com o ultimo fio que resta de esperança nesse troço todo chamado amor agente sempre deve viver, viver e viver.
    tudo
    tudo
    e tudo

    ñ desiste do amor, jamais Lucas.

  53. Baar Says:

    Você é perfeito. Tudo que você escreve é perfeito. Sem palavras para você.

  54. @suzanerodrigues Says:

    Mudei tanto a ponto de me olhar no espelho e não reconhecer o meu próprio reflexo. E com o amor… dxa pra lá. Belo texto =]

  55. Edimara Says:

    O que eu aprendi com o amor? Palavrões novos.

    PERFEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEITO *-*

  56. meninoromantico Says:

    fooda vey ‘

  57. Victória Martins! Says:

    Perfeito, perfeito e perfeito. Como sempre né Lucas? *-*

  58. Carla Buchalle Says:

    ‘Tenho acordado de sonho nenhum, tenho dormido apenas pra ver se paro de sonhar…

    … pra variar.’

    Eu?😮
    Eu! “)

    !

    Real!

  59. Rafael Borges Says:

    ficou do caralho, pirei!

  60. Carla Buchalle Says:

    Li de novo!

  61. @_juroque Says:

    Você é demais, mesmo *-*

  62. loveli Says:

    THE RISE AND FALL OFF BEESHOP chegou finalmente !!!!O Gustavo que fez a resenha lá na página 4 da ZH de hoje certamente não teve ainda o privilégio de fazer esta busca aqui , por isso fala do que não sabe. Logo terás energia para lançar o livro. Teu lirismo impressiona, encanta. sucesso!!!! perfeitas são tuas palavras! Muito do que vemos, contudo ,são impressões da nossa alma ansiosa pela verdade… busca, busca incessante até perdemos de vista o outro lado , da margem dos espelhos empoeirados…viver é melhor que sonhar, já dizia outro poeta! Luzes pra você!!!!

  63. Jéssica Caroline Says:

    Lucas, é incrível o modo como você se expressa com as suas palavras. Esse texto me fez refletir. Posso ser nova agora, mas um dia terei que encarar a vida e, um dia, também será tudo novo pra mim. Parabéns, mais uma vez, é claro. Você é um poeta.

  64. R. M. Gonçalves Says:

    O que seria de nossa vida sem as vicissitudes a que estamos suscetíveis??? Seria uma triste monotonia…
    Que venham as mudanças!!!

  65. Ana Beatriz Says:

    Lucaas
    Simplismente tu consegue descrever o que cada um de nós sente e está passando.
    Fico ansiosa, pra ver se tu escreveu algo novo, poruqe teus textos SEMPRE me ajudam a melhorar e a criar mais coragem.
    PARABÉNS!
    E este último texto é o que eu precisava saber nesse instante.
    obrigada
    Bjs ;*

  66. Luan Emilio Says:

    Tenho acordado de sonho nenhum, tenho dormido apenas pra ver se paro de sonhar…

    … pra variar.

    E é tão real, o pesadelo de perder o discernimento pra sempre.

    Simplesmente lindo

  67. @lekaa__ Says:

    M-U-I-T-O Bom

    Como já disse és o cara! Genial.

  68. Talessa Says:

    parece até que voce escreve seus textos pra cada um em particular..realmente as vezes temos medo de mudanças, ou queremos provar o desconhecido mesmo sabendo qual é o certo.e o amor em certas situações realmente ensina novos palavrões haha! eu te amo beeshop s2

  69. isadora otto Says:

    gaúchinho teus textos simplesmente parece que vc fala com cada um de seus fãs e escreve aq oq vc conseguiu ver oq eles estão sentindo .e esse é o lucas q da orgulho para todos os seus fãs por escrever coisas tão boas te amo ♥

  70. rafael carloni Says:

    você muda todos só com os seus textos, faz nos sentir bem melhores, você diz tudo que queríamos ouvir agora, e você como sempre superando mais e mais as barreiras dessa vida e nos ajudando a superar também. Gênio, você me faz sentir mais capaz de continuar a acreditar.

  71. Caroline Says:

    Um dos melhores até agora, sempre me surpreendo.

  72. gabi @teambeeshop Says:

    Cara cara, cada post sempre algo que me identifico de alguma forma. Eu não tinha vindo aqui antes, mas resolvi dar uma passada e vi que tinha post novo, e incrivel sempre no momento que mais preciso de um palavra, eis que vc meu divo me trás algo a mais pra fazer refletir e até me ajudando a entender muitas coisas, trechos que me identifiquei e gostei muito.

    “É o mundo ensinando a gente que ainda não deixamos de ser os adolescentes cheios de dúvidas que éramos. A diferença é que somos maiores que outrora, e em nossas cabeças há ainda mais espaço para mais e mais questionamentos. Quanto mais claro fica para mim a noção do que é certo, mais meus pés apontam para o obscuro caminho do absolutamente desconhecido.”

    “A gente se sente velho demais para jogar tudo pra cima e fugir. A gente se vê jovem demais pra dar o próximo passo sem olhar pra trás. Então a gente fecha os olhos e caminha até cair”

    Agradeço por vc fazer parte de alguma maneira da minha vida, mesmo nem sabendo me conhecendo mas pra mim é muito importante de verdade, te considero demais, I’ll be there for you. Love you!!

  73. Thailane Vasconcelos Says:

    De vez em quando agente paa pra pensar e percebe que o que agente lê acontece na vida real.Me identifiquei com esse texto.:)

  74. Jeni Lopez Says:

    o legal é que teus textos falam de coisas do dia dia, coisas q acontecem ou q irão acontecer em algum momento das nossas vidas e q de alguma forma se identificam com agente. Tua capacidade de transformar sentimentos em palavras é FODA!

    ,JAMAIS se cale! Lucas, Agente PRECISA das tuas palavras.

    BEIJONES

  75. @fehmachado Says:

    simplesmente como eu me sinto as vzs . sempre tendo que voltar a estaca zero para me reencontrar ;~ obrigada Lucas por sempre expressar por quase TODOS NÓS o que as vezes nem nós conseguimos expressar ! obrigada *-* . beijos

  76. Ligia Says:

    de fato, depois dos vinte nada é tão simples…

  77. Jèh.zin; Says:

    A-D-O-R-E-I- ahh lucas vc é demais, eu amo mt vc *-*

  78. aprendaanadar Says:

    Na mosca, rá.

  79. Thiago. Says:

    nuss sfro e jasofri por aor,e esse txto varias coisa faz sentido! mais nunk a um fim a procura de qual quer q seja a coisa enclusive amor nunk acaba e se acaber ben! praquein conceguill!!! pros que não! não desista.

  80. Débora Laís Says:

    Impecável, como sempre.

  81. Pedirta Says:

    NA MOSCA, GURI! na mosca.

  82. Marina Moreia Says:

    Nossa Lucas me encontrei em cada palavra, em cada desabafo.

    FODAAAAA
    beijo te amo!

  83. Letícia Vieira Says:

    Muito lindo… ♥♥♥♥♥
    Então, vamos continuar a ser eternos adolescentes, amando para aprender palavrões novos…. HSAUSHAUHSUHAUSHUAHU
    Amo você… ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

  84. achavedecasa Says:

    É mais uns desse contos cotidianos que criamos pra nós mesmos, partindo de diferentes inferências, mas com a mesma intencionalidade: nos entendermos. Parece que essa incessante busca nunca terá fim. Como cita Clarice “Eu escrevo para me livrar da carga difícil de uma pessoa ser ela mesma”. Portanto, procure a continuar se transfigurando a cada post.

    Félicitations!

  85. Eduarda Says:

    teus textos simplismente descrevem sentimentos que muitas vezes eu não consigo entender, são situações que todos nós podemos passar, mas tu traduz isso através das palavras.
    e como sempre, nada é tão simples assim, muito menos o amor, ah o amor..

  86. Isadora Says:

    Lucas, diz que não é isso!!
    finjo que te conheço, te trato como da familia e sei que tu não me conheces. Sabe meu nome pelo comentario e talvez ja tenha lido algumas vagas palavras que escrevi ao te elogiar. todos se identificam ao te ler, mais NÃO, as palavras não são descrevendo sentimento dos outros mais sim os seus, agonia ao ler palavras e ver nas entrelinhas dúvidas e se páh arrependimento.
    Você sabe tudo que é, e seja qual for sua escolha vai continuar sendo pra mim!
    Agora me diga que você não ta pensando em fazer isso, em acabar com o que era seu sonho?

  87. Beatriz Braga Says:

    Isso me fez lembrar perfeitamente a situação que me encontro. O mesmo amor, porém um novo relacionamento. O problema está justamente aí, NOVO. Acontece que eu estava acostumada a não ter que dividi-lo com nada e agora tenho que me encaixar em seu tempo livre. Pois é, o surf. Eu devo estar menos interessante, ou talvez ele esteja cego. Quase 12 anos de relacionamento e me vejo aos 29 anos tendo que me contentar com isso. Vou ter que limpar as teias e voltar ao passado pra corrigir o que passamos por cima ou perdemos. É quando eu percebo que beleza não é fundamental, modéstia parte, ela não me falta. Inteligência também não, então…. Ou ele é louco, ou …….Não sei a resposta. Esquece!
    PARABÉNS MAIS UMA VEZ.

  88. leroy Says:

    crescer é obrigatorio, amadurecer é opcional.

    oque te move? o medo ou a vontade de acertar?

  89. crush Says:

    Cara, Tu me deixa mas impressionado a cada dia
    vc é otimo no que faz ..
    parabéns LUCAS

  90. Fer Says:

    aos trinta…aos quarenta….aos cinquenta nada, absolutamente nada se torna simples! so mudam os questionamentos….mas ainda assim, eles permenecem…ali…o tempo todo, todos os anos…todos os minutos e a cada nova situação! Os questinamentos permecem ali! Intactos e latentes!

  91. Manddy Says:

    pooha Lucas, poeta. ♥
    Parabéns🙂

  92. Ludimila Says:

    Adorrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrri😀

  93. segredosdeliquedificador Says:

    Reblogged this on .

  94. Gabriela Says:

    Ah, 00:15 de uma terça-feira e eu lendo teus textos afim de recuperar o sono perdido por palavras ditas de forma errônea. Ah, Lucas, se tu soubesse que não é o único que não sabe lidar!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: